Pão do Dia – Aleluiah Apps 03/11/2020 “Por volta da meia-noite, Paulo e Silas estavam orando e cantando hinos a Deus; os outros presos os ouviam.” (Atos 16:25) A Bíblia define deste modo a fé: “Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos” (Hebreus 11:1). Outra tradução disso é: “Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem” (ACF). A própria existência de nossa fé, apesar das nossas circunstâncias, é uma prova de Deus. Temos a certidão do cartório. Deus nos deu essa prova, essa certeza confiante. Ela foi instalada em nós pelo próprio Deus. E é poderosa testemunha para um mundo perdido sem fé. Sabemos pelas histórias da igreja primitiva quantos daqueles valentes homens e mulheres, e às vezes até crianças, foram martirizados por sua fé. Mesmo quando estavam sendo executados, sofrendo mortes horríveis, lemos que chamavam pelo Senhor e pediam a Deus perdão pelas pessoas que lhes faziam aquelas maldades. E há muitos relatos acerca de carrascos deles que chegavam à fé, como resultado da fé que os cristãos tinham em Deus enquanto dirigiam-se à Sua presença. A história de Paulo e Silas, que cantaram louvores a Deus à meia-noite depois de surrados e jogados no cárcere, é outra prova de fé. Resultou na conversão dos carcereiros. Não foi uma vitória da mente sobre uma dificuldade material. Foi a vitória da fé contra as circunstâncias. Paulo e Silas não tinham certeza de que sequer sairiam daquela prisão, mas foram capazes de pôr tudo em uma perspectiva correta e tiveram fé – ainda que na mais amarga das situações. – Então o que significa quando dizemos que devemos ter fé? Significa que temos esperança. Confiamos em Deus. – Em que circunstâncias você precisa ter fé hoje?

2 pensamentos sobre “

Os comentários estão fechados.